Bom Jesus da Lapa: Encerramento da Festa de Nossa Senhora da Soledade expressa emoção e fé

“Eu venho para cá desde os 18 anos, hoje eu tenho 74. Criei meus filhos vindo para a Lapa do Bom Jesus. Hoje eles me trazem. Minha filha me colocou aqui sentada, só saio quando terminar. Na hora que o andor sai, meu coração chega dói, dá vontade de chorar porque eu não posso acompanhar.”

Facebook
WhatsApp
307436343 5514370468643584 5158775816427781774 n

Com a presença de mais de 20 mil pessoas ao longo do dia, após sete dias de preparativos, oração e reflexões a partir das dores de Nossa Senhora da Soledade, o Santuário do Bom Jesus da Lapa celebrou nesta quinta-feira (15) a Missa Solene e o encerramento da Romaria em honra à sua Co-Padroeira. A festividade marcou ainda, os 70 anos de retorno da devoção à Maria na Gruta.

santuario lapa romeiros participam de santa missa festiva
Multidão participa de Missa Festiva em honra à Mãe da Soledade.

A Santa Missa celebrada às 7h da manhã contou com a presença de lapenses e romeiros. O presidente, Dom João Santos Cardoso, bispo diocesano de Bom Jesus da Lapa, lembrou do amor do Bom Jesus ao dar Maria como Mãe à humanidade e da necessidade de se aprender com ela a superar a indiferença em relação à dor do próximo. “Num mundo que é marcado pela indiferença, em que cada vez mais a indiferença parece tomar conta de nós e nos acostumamos com os diversos tipos de sofrimento, onde a dor do outro não mais nos comove, precisamos aprender com Maria a ter a capacidade de sofrer com quem sofre.” Afirmou.

santuario lapa romeiro paga promessa
Romeiro paga promessa de joelhos antes da Missa Festiva.

Já na parte da tarde, a expectativa era para ver o andor de Nossa Senhora e acompanhar a procissão, após dois anos. Uma boa parte dos visitantes, idosos, aguardavam ansiosos pela chegada da Mãe. Este é um dos momentos mais esperados, em que os lapenses saem às portas de casa e outros cumprem promessas cantando louvores pelas ruas nas quais passa Nossa Senhora.

santuario lapa multidao acompanha andor de nossa senhora
Após dois anos, romeiros e lapenses fazem procissão com andor da Soledade.

“Eu venho para cá desde os 18 anos, hoje eu tenho 74. Criei meus filhos vindo para a Lapa do Bom Jesus. Hoje eles me trazem. Minha filha me colocou aqui sentada, só saio quando terminar. Na hora que o andor sai, meu coração chega dói, dá vontade de chorar porque eu não posso acompanhar.” Conta, emocionada, Dona Maria de Jesus, de Jacobina-BA.

img 5657 (1)
Dona Maria de Jesus é de Jacobina-BA e vem ao Santuário há mais de 50 anos.

Assim como Dona Maria, as amigas Isbela Alves (72), Eva Francisca e Amélia Fernandes (84) e Francelina Ferreira, com 79 anos, vieram da cidade de São Francisco- MG, para o encerramento da Festa da Soledade, rendendo graças à Mãe por todas as bênçãos. Elas aguardavam animadas, pela chegada do andor. “A gente não aguenta acompanhar, fica aqui esperando. Não tenho nenhuma promessa para cumprir, apenas agradecer.” Afirma Isbela. 

img 5653 (1)
Romeiras de São Francisco- MG aguardando a chegada do andor.

A pregação da celebração de encerramento foi conduzida pelo padre Adilton Lopes, pároco da paróquia de São Lázaro, na Arquidiocese de Salvador-BA. Ele falou sobre o tema escolhido para o andor da Festa dos 70 de retorno da devoção à Mãe do Bom Jesus.

“Maria é a nova arca da aliança, que ao chegar na casa de Isabel, saudando Isabel, Isabel fica cheia do Espírito Santo e diz: bendita és tu, entre as mulheres. Bendito é o fruto do teu ventre! De onde me vem a honra que a mãe do meu Senhor, me visite? Logo que a tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança estremeceu em meu seio e eu fiquei cheia do Espírito Santo. Onde a Virgem da Soledade chega, chega o Espírito Santo! Onde a Virgem da Soledade chega, chega o amor, chega a vida, chega a vitória” disse.

307338208 5514370631976901 8156392322213566199 n (1)
Padre Adilton Lopes veio de Salvador-BA, para pregar na Romaria da Soledade.

Por volta das 20h, os ônibus dos peregrinos começaram a sair da Cidade, de forma organizada, graças ao diálogo da Polícia Militar, hoteleiros, estacionamentos e Santuário. Assim, foi finalizada uma romaria repleta de emoção e que deixou saudade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

2 × dois =