[views count="1" print="0"]

Ordenação do novo bispo de Barra-BA reuniu familiares, religiosos, bispos e romeiros no Santuário

Facebook
WhatsApp

Após 25 anos da primeira profissão religiosa na Congregação do Santíssimo Redentor, o ex-reitor do Santuário do Bom Jesus da Lapa, Monsenhor João Batista, escolheu o lugar sagrado para a sua ordenação episcopal. O rito aconteceu no último sábado (23), às 18h, na presença de familiares, amigos, religiosos, romeiros, bispos e arcebispos do Regional Nordeste 3 da CNBB, na Igreja de Pedra e Luz. Em 332 anos de história, foi a primeira vez que a cerimônia aconteceu no Santuário.

Para Raquel Nascimento, sobrinha do novo bispo, o acontecimento foi uma honra para a família. “Eu vim de Vitória da Conquista-BA para participar da celebração e é a primeira vez que venho em Bom Jesus da Lapa. Ele é o primeiro padre e agora bispo, na nossa família, e para nós é uma honra.”

383822313 637387241909134 1646402445977703867 n
Familiares vieram de Vitória da Conquista-BA para participar do momento.

A ordenação foi presidida pelo arcebispo da arquidiocese de Diamantina-MG, O Missionário Redentorista Dom Darci José Nicioli, a quem Dom João Batista considera um pai espiritual, tendo como coordenantes, Dom João Cardoso, Arcebispo eleito de Natal e Administrador Apostólico de Bom Jesus da Lapa, e Dom Josafá Menezes, Arcebispo de Vitória da Conquista-BA.

Ao longo da homilia, o arcebispo falou sobre a missão episcopal, a trajetória do novo bispo e os exemplos do bispo emérito, Dom Luís Flávio Cappio. “Durante 26 anos ele (Dom Luís) governou a Igreja de Barra, zeloso pastor do povo de Deus e profeta da revitalização do rio São Francisco. Seja bem-vindo Monsenhor João Batista, ao colégio episcopal e à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A igreja o escolheu, você não procurou, você não quis o episcopado. Confie! É a Igreja de Cristo presente no baixo São Francisco, no semiárido da região oeste da Bahia, da qual pela graça de Deus e mandato da Sé Apostólica, o senhor, caro irmão Monsenhor João Batista, é constituído pastor.”

383070569 637387928575732 5648366419266285045 n
Dom Darci José Nicioli faz a imposição das mãos sob o ordenado.

O recém ordenado disse que agora a sua missão é exercer um episcopado marcado pelo diálogo, como pede a Igreja sinodal. “Depois do susto e da minha resposta positiva, iniciamos os preparativos para esta celebração e para a posse que acontecerá no próximo sábado, 30 de setembro. Agradeço ao Papa Francisco pela confiança e ao Núncio Apóstolico pela paciência que teve comigo.  O Santuário é secular, mais de 300 anos e agora pela primeira vez uma celebração como essa, que é uma festa da Igreja. E fui nomeado ordenado e agora vou tomar posse nesse contexto de igreja que intensifique a capacidade de dialogar, com o povo, com as instituições, dialogar com todos.” Afirmou.

Já Dom Cappio, que agora é bispo emérito, falou sobre a alegria do nome escolhido para ser seu sucessor, pelo Papa Francisco. “Há muito nós esperávamos por esse momento e posso dizer que o Senhor nos deu um presente quando o Papa Francisco nomeou Monsenhor João Batista, para ser agora Dom João Batista.”

383086139 637389448575580 484848366673828920 n
Dom Luís Flávio Cappio, bispo emérito, cumprimenta o sucessor.

O 9º bispo de Barra fez a primeira profissão religiosa na Congregação Redentorista há 25 anos. Tornou-se padre em 2001 e de lá para cá, assumiu diversas funções na vice-província da Bahia, sendo a última a de reitor do Santuário onde escolheu ser ordenado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 5 =

plugins premium WordPress